Araruna-PB, Sábado, 20 de Dezembro de 2014
Publicidade
Policial
21 de Março de 2014 ás 05:58h
Homem que estuprou e matou menina de 11 anos, era amigo da família da vítima

O homem que era suspeito de estuprar e assassinar uma garota de 11 anos em Miracatu, no interior de São Paulo, confessou ter cometido o crime, praticado na manhã desta quarta-feira (19). O corpo da vítima foi encontrado várias horas depois sem peças de roupa e no meio da mata próximo ao local onde ela passava para ir à escola.

Inicialmente, os policiais que investigavam o crime suspeitaram do homem, que é conhecido da família da vítima, porque ele fazia o mesmo trajeto que a menina para ir trabalhar. Enquanto prestava depoimento, o suspeito confessou ter encontrado a garota no meio do caminho e a levou para o mato onde praticou o estupro.

Após o criminoso ter abusado da vítima, a menina começou a correr e foi atingida por ele com golpes dados na cabeça com um pedaço de madeira, o que levou a garota à morte. “Eu me arrependo do que fiz, não devia ter matado ela”, afirmou o rapaz ao entrar na viatura da Polícia Militar.

O corpo da vítima foi encaminhado até o Instituto Médico Legal (IML) da cidade onde serão realizados exames necroscópico, de conjunção carnal e DNA do sangue. O caso está registrado na Delegacia Sede de Miracatu.

180 Graus 

O que você achou desta notícia?
bom Gostei ruim Não Gostei
Gostei 0
Não Gostei 0
Por:
Link:
Comentários ()
© 2011 - 2014 - Araruna1.com
Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução parcial ou total deste site sem prévia autorização.