Araruna-PB, Segunda-Feira, 11 de Dezembro de 2017
Publicidade
Mundo digital
16 de Dezembro de 2016 ás 09:36h
Facebook lança plano para combater notícias falsas
A rede social foi duramente criticada durante as eleições americanas por dar suporte e ajudar a disseminar notícias falsas

Facebook lançou um plano para combater as notícias falsas que circulam pela rede social nesta quinta-feira. A novidade vem na sequência de várias acusações de que a disseminação das chamadas fake news interferiram no resultado das eleições americanas. A rede de Mark Zuckerberg irá limitar a difusão de notícias duvidosas através de marcações dos próprios usuários, os quais terão a opção de informar o site caso considerem que a notícia não seja verdadeira.

Ao mesmo tempo, o Facebook terá o auxílio de um software que individualizará as fake news para serem verificadas por jornalistas. As notícias falsas aparecerão, então, com um símbolo de “contestada após verificação de terceiros”. O sistema do site ainda modificará seu algoritmo para evitar que esse tipo de matéria se espalhe rapidamente entre os usuários e ainda questionará o internauta se ele tem certeza que quer ler a informação completa.

Na operação de fact checking (checagem de fatos), estão jornalistas de empresas como a ABC NewsPolitifactFactCheck e Snopes. Para ser considerada falsa, uma notícia terá que ser contestada por dois membros diferentes do grupo de analistas. Em uma crítica do jornal The New York Timesao Facebook, um dos casos lembrados foi uma notícia compartilhada por mais de um milhão de usuários, que anunciava que o Papa teria apoiado Donald Trump, algo que nunca ocorreu.

(Com ANSA)

O que você achou desta notícia?
bom Gostei ruim Não Gostei
Gostei 0
Não Gostei 0
Por:
Link:
Comentários ()
© 2011 - 2017 - Araruna1.com
Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução parcial ou total deste site sem prévia autorização.