Araruna-PB, Sexta-Feira, 24 de Fevereiro de 2017
Publicidade
Meio ambiente e Clima
21 de Dezembro de 2016 ás 08:29h
Verão começa prometendo mais calor e exigindo cuidados contra doenças da época

Estação mais aguardada do ano pelos setores turísticos e econômicos na Paraíba, o verão chega às 7h44 desta quarta-feira (21) e deve trazer mais calor, com temperaturas de até 37°C e sensação térmica de 39°C, além de mais turistas ao estado. Porém, a estação traz também riscos e aumento de doenças de pele e desidratação. Veja abaixo dicas para como evitar as ‘doenças do verão’.

Segundo a dermatologista da rede municipal de saúde em João Pessoa, Elen Lima de Souza, a exposição prolongada ao Sol também pode ser causa de rugas e marcas profundas, envelhecimento da pele, perda de elasticidade, pigmentação excessiva, além do aparecimento de sardas, que podem indicar uma predisposição para o aparecimento do câncer de pele.

Já a umidade do suor e das roupas molhadas também facilita a proliferação de fungos, especialmente em doenças como candidíase.

“A exposição excessiva ao Sol provoca como efeitos imediatos a vermelhidão, o aparecimento de bolhas e até queimaduras de segundo grau. Os efeitos a longo prazo são mais preocupantes e podem ser letais como o câncer de pele, mas também há de se ter cuidado com o fotoenvelhecimento e manchas causadas pelo Sol”, disse a especialista.

Outro problema grave é a desidratação que, dependendo da intensidade, pode provocar diarreia e vômito, principalmente em crianças e idosos.

Outra doença comum no verão é a candidíase, que afeta mais as mulheres e as crianças. A proliferação da doença é alta por conta do aumento da umidade. O fungo costuma se proliferar em roupas de banho molhadas. 

Ainda segundo a dermatologista, para poder se expor ao Sol sem correr riscos de saúde, a população não pode dispensar protetores solares, usados de acordo com o tipo de pele, roupas apropriadas e acessórios como chapéus e óculos.

De acordo com dados da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), o verão é a estação do ano que menos chove nas regiões do Litoral, Agreste e Brejo, mas é o período chuvoso para o Cariri, Curimataú e Sertão do estado.

O que você achou desta notícia?
bom Gostei ruim Não Gostei
Gostei 0
Não Gostei 0
Por: Portalcorreio
Link:
Comentários ()
© 2011 - 2017 - Araruna1.com
Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução parcial ou total deste site sem prévia autorização.