Araruna-PB, Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
Publicidade
Mundo
05 de Abril de 2017 ás 23:08h
Empresa paga 16 mil euros a quem ficar deitado numa cama dois meses

A possibilidade de ganhar milhares de euros sem sair da cama pode mesmo ser real. O Instituto Espacial de Medicina e Fisiologia de Toulouse, em França, está a procurar voluntários dispostos a passar dois meses numa cama.

Homens entre os 20 e os 45 anos, como um índice corporal de 22 e 27, sem problemas de saúde e não fumadores, estão entre os alvos. O objetivo passa por estudar os efeitos da falta de gravidade no corpo humano.

"Durante as duas primeiras semanas, os nossos cientistas vão desenvolver um conjunto de testes aos voluntários. Os que puderem continuar serão submetidos a um período de 60 dias, no qual deverão permanecer numa cama. Durante esses dois meses, os candidatos devem estar com a cabeça ligeiramente inclinada para trás, a menos de seis graus", explicou ao jornal online "20 Minutes", o médico Artaud Beck.

Este ensaio, financiado pela Agência Espacial Europeia, decorrerá entre setembro e novembro, e completa a primeira fase de testes, que se iniciou a 15 de janeiro e terminou na segunda-feira. Entre janeiro e abril, 10 pessoas foram submetidas a um teste semelhante, para que se compreenda melhor os efeitos da ausência de gravidade, da Estação Espacial Internacional, no corpo humano.

Apesar de tentador, trata-se de um "trabalho bastante duro", explica o médico responsável. Todas as tarefas rotineiras, como comer ou tomar banho, devem ser feitas com pelo menos o ombro ou a mão em contacto com a cama. Neste período, é expectável que os voluntários sofram os mesmos sintomas dos astronautas, como a perda de densidade óssea e muscular.

JN PT 
 

O que você achou desta notícia?
bom Gostei ruim Não Gostei
Gostei 0
Não Gostei 0
Por:
Link:
Comentários ()
© 2011 - 2017 - Araruna1.com
Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução parcial ou total deste site sem prévia autorização.