Notícia
Líder da oposição acusa Cartaxo de cometer 'pedaladas' e avisa: 'Não vamos acatar'

Publicado em 27/12/2017

Reprodução

O líder da oposição na Câmara Municipal de João Pessoa, Bruno Farias (PPS), acusou o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), de praticar ‘pedaladas’ no orçamento, o que culminou com a emissão de vários alertas emitidos pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE). De acordo com o parlamentar, a bancada não irá aceitar os “caprichos” do gestor municipal.

“Nós não podemos é fazer ouvido de mercador e acatar as decisões da Prefeitura de João Pessoa que são flagrantemente inconstitucionais. O TCE emitiu dezenas de alertas à gestão pelo fato do prefeito Luciano Cartaxo ter pedalado desde o início do ano, como fez o governo federal”, afirmou.

Apesar de a bancada da oposição ter ‘boicotado’ a votação da Lei Orçamentária Anual (LOA), Bruno Farias admitiu que a matéria deverá ser apreciada hoje à tarde, já que o governo tem maioria na Casa Napoleão Laureano.

Segundo ele, o impasse é fruto da “prepotência, arrogância e truculência” do governo, através do secretário de Articulação Política, Zeneddy Bezerra (PMN), que ontem fez um acordo com as bancadas para a votação da LOA, mas foi descumprido.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

“De surpresa, veio a contraordem do que foi celebrado ontem, isso foi rasgado, é uma falta de compromisso e de empenho de palavra. A emenda do vereador Leo Bezerra diminui de 10% para 7% a possibilidade do saldo devedor das operações de crédito por antecipação na receita orçamentária. A minha emenda diminui de 30% para 10% a possibilidade de remanejamento de dotação orçamentária”, explicou.


Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Araruna1 | O portal de notícias de Araruna e Região não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrarem.