Notícia
Temer avaliará com médico se tem condições de ir no fim do mês ao Fórum Mundial de Davos

Publicado em 11/01/2018

Reprodução

presidente Michel Temer quer garantir nesta quinta-feira (11), em seu retorno médico ao consultório do urologista Miguel Srougi, que sua saúde está melhor e permitirá que ele participe do Fórum Econômico Mundial de Davos, na Suíça, no final do mês.
Segundo assessores, o presidente até já confirmou a viagem internacional, na qual ele quer aproveitar para divulgar os bons números da economia brasileira e atrair investimentos para o país.
Além de cumprir a agenda normal do evento, o Palácio do Planalto está marcando encontros paralelos com empresários estrangeiros.
Objetivo: discutir coportunidades de investimentos no Brasil, principalmente, a partir do programa de concessões de serviços públicos ao setor privado lançado no ano passado.
O presidente viajará acompanhado dos ministros Henrique Meirelles (Fazenda) e Moreira Franco (Secretaria-Geral). Eles vão levar os últimos dados da economia brasileira: inflação fechando 2017 abaixo do piso da meta, juros abaixo de dois dígitos e no menor patamar histórico e país saindo da recessão, podendo crescer 3% em 2018.
No entanto, Temer e sua comitiva devem ser questionados por economistas sobre a crise fiscal brasileira, que ainda não foi equacionada e depende da aprovação da reforma da Previdência Social.
Em sua ida a São Paulo nesta quinta para a consulta de retorno com Miguel Srougi, será avaliada a recuperação dos problemas na próstata e nas vias urinárias do presidente da República. A equipe de Temer classifica de “boa” a recuperação do peemedebista, o que pode permitir que ele vá para o Fórum de Davos.
Assessores do presidente destacaram que será uma ida ao consultório de seu médico, não uma passagem pelo hospital para exames e intervenções, como ocorreu no ano passado, quando chegou a fazer dois procedimentos cirúrgicos na próstata e usou uma sonda urinária, além de colocar três stents em três artérias do coração.
Além da consulta médica, Temer também irá se reunir na capital paulista com o advogado criminalista Antônio Cláudio Mariz de Oliveira, amigo e conselheiro jurídico do presidente.
G1 


Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Araruna1 | O portal de notícias de Araruna e Região não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrarem.