Notícia
Aplicativo de transporte só para mulheres chega a JP no dia 28
FemiDriver estará disponibilizando um bônus de R$ 10,00 para ser usado na primeira viagem

Publicado em 15/05/2018

Reprodução

Será lançado no próximo dia 28 de maio o aplicativo FemiDriver, que vai conectar motoristas mulheres a passageiras numa versão exclusivamente feminina do tradicional aplicativo de transporte. O serviço, que será realizado em João Pessoa, está cadastrando motoristas através do app ‘FemiDriver Motorista’, disponível para iOS e Android. As passageiras também já podem baixar o aplicativo nas duas versões. A FemiDriver estará disponibilizando um bônus de R$ 10 para ser usado na primeira viagem. A promoção é válida para as primeiras mil viagens.

Claucione Lemos, chefe executiva da empresa, decidiu criar o serviço após tomar conhecimento de reclamações de assédios em corridas de transporte por aplicativo vindas de motoristas do gênero masculino.

“Entendi que a maioria das mulheres se sente mais segura quando são atendidas por outras mulheres e a partir daí, veio a ideia de criar o aplicativo”, afirma. Toda a diretoria da empresa é formada apenas por mulheres e inclui, além de Claucione, a administradora financeira Antonieta Araújo e a advogada Bruna Melo, responsável pelo departamento jurídico.

A tarifa da FemiDriver será de R$ 2,50, mais R$ 1,20 por quilômetro rodado e R$ 0,14 por minuto de deslocamento. O valor mínimo da corrida é de R$ 6. O pagamento poderá ser feito em dinheiro ou cartão de crédito. A viagem também poderá ser compartilhada com outras pessoas, garantindo trajeto monitorado.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Motoristas

Para se cadastrar como motorista, as interessadas precisam apresentar, na hora da inscrição no aplicativo, CNH, comprovante de residência, certidão criminal e documentos do carro. A empresa oferece treinamento para as cadastradas, com informações sobre políticas de prevenção à violência contra a mulher, palestra de boas maneiras no trânsito e esclarecimento de dúvidas com a assessoria jurídica. Outro diferencial é o percentual cobrado pela motorista a cada viagem, de 17%, menor valor do mercado que costuma aplicar até cerca de 25% por corrida realizada.


Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Araruna1 | O portal de notícias de Araruna e Região não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrarem.