Araruna
RESUMO DA SESSÃO DA CÂMARA DE VEREADORES DE ARARUNA PB - 17/05/2019; VEJA

Publicado em 22/05/2019 22:28

Reprodução

Na tarde desta sexta-feira 17/05 aconteceu mais uma sessão ordinária na Câmara Municipal de Araruna/PB – Casa Nô Lima, sob a presidência do vereador Carlos Antônio de Sousa Teixeira, vulgo Toinho Natanael. Para a abertura, em conformidade com a Ordem do Dia, foi lida a ata da sessão anterior (26/04/2019), como também os ofícios, requerimentos, projetos de lei e pareceres. Veja pequeno resumos destes.

 

Ofícios:

 -  Assuntos acerca do CIRETRAN de Araruna, solicitando a remoção dos veículos apreendidos que estão no pátio e informando a impossibilidade de atendimento devido a superlotação de veículos;

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

-  Participação na tribuna, de pelo menos 10 minutos, o CAPES no dia 25/05/2019 para conscientização acerca da depressão;

-   Renúncia do cargo de vice-presidente da Câmara Legislativa de Araruna do vereado Jefferson Targino;

 

Requerimentos:

Vereador Antônio Olinto: ao executivo municipal a possibilidade de instalação de equipamentos de iluminação pública as redondezas da UEPB;

Adailson Bernardo: ao secretário de educação do estado, Aléssio Trindade, a reforma da Escola Estadual Targino Pereira. Ao executivo municipal, o envio das cópias dos contratos de locação de veículos à Câmara de Vereadores do município; cópia do processo de vendas de veículos e alienação de bens realizadas no ano de 2018; providências para construir pavimentação na comunidade Umburana; o conserto de veículos que se encontram parados; e o envio de cópias de processos de licitação da estrutura da festa de São João para o ano de 2019.

Francisco Railton: para o executivo municipal, a contratação de médico Ginecologista e Urologista para atendimento no município; a realização de exames de próstata e de mama; a solicitação de calçamento no conjunto por trás do posto Pedra da Boca na comunidade de Mata Velha; calçamento na comunidade dos Moreiras; construção de calçamento em todas agrovilas e assentamentos de Araruna – Pb. À Secretaria de Educação, a solicitação de providencias de carros para a locomoção dos estudantes do Camucá para a Escola Municipal Joana Maria. À Emater – PB, melhorias no sistema de internet Emater Araruna, já que está dificultando atendimento ao público.

Caio Ludgério: ao executivo municipal, a manutenção das estradas do Giral ao Macapá; a iluminação no estádio Demóstenes da Cunha Lima. Ao Presidente da Câmara de Vereadores de Araruna, uma sessão especial em homenagem aos 86 anos da Escola Estadual Targino Pereira no dia 30 de maio às 15:00 horas, assim como votos de aplauso para a mesma instituição de ensino, pelos mesmos motivos supracitados.

Luiz da Silva Martiniano: ao executivo municipal, que seja realizado estudo para atendimento 24 horas nos PSFS mais distantes da Zona Urbana e moção de pesar aos familiares de José Martiniano da Silva.

 

Projetos de Lei:

Lei nº 03/2018: Autor Jeferson Targino, denominação da Vila Olímpica conforme especifica.

Lei nº 005/2019: Autora Maria de Lourdes, denomina de Rua Padre Cristiano Muffler onde hoje é José Targino Maranhão.

 

Veja resumo da sessão:

O primeiro vereador Francisco Railton iniciou agradecendo a Deus e saudando a todos presentes na Câmara. Falou ser favorável a todas as matérias apresentadas a casa. Continuou falando, enfatizando seu requerimento a respeito da realização de exames de próstata e mama, intencionando sua tristeza com a realidade da saúde do município. Falou ainda sobre a falta de materiais de limpeza na Escola João Alves Torres, no entanto, o problema já foi solucionado e o mesmo agradeceu aos funcionário da escola. Em relação aos agricultores, o vereador pediu um trabalho mais completo da gestão já que pessoas carentes não conseguiram plantar. Disse ainda que no Camucá há mais de 20 alunos e é muito difícil a locomoção até a Escola Joana Maria, em Mata Velha.

 

O vereador Jeferson Targino saudou a todos. Foi favorável a todas as matérias. Chamou atenção para a renúncia de seu cargo, observando que poderia ser feita uma nova eleição para vice-presidente em razão da vacância do cargo e não a promoção do 1º secretário para a vice-presidência.

 

Próximo vereador a proferir seu discurso, Francisco Ednaldo (Naldo de Zé de Neco) usou da palavra para saudar a todos e informar que é favorável aos requerimentos e projetos de lei colocados em pauta.

 

O vereador Adailson Bernardo saudou todos vereadores, ouvintes e colaboradores da casa. Defendeu seus requerimentos quando pede a reforma da Escola Estadual Targino Pereira; e sobre os processos de alienação de veículos e as licitações, os consertos de veículos, e os gastos com a festa de São João.

 

A vereadora Maria de Lurdes (Dona Lurdinha Odon) iniciou seu discurso saudando a todos, falando ser favorável as matérias, mas enfatizou a semana dedicada contra a exploração sexual de menores no município de Araruna. Acerca de seu projeto colocado na Câmara para substituir o nome de uma Rua para o Padre Cristiano, o qual fez muito por Araruna, levando em consideração que não se pode colocar nome de pessoas vivas em prédios e ruas públicas, tendo em vista que o atual nome é José Targino Maranhão, Senador da República. Pediu ao presidente da Câmara para que seja agilizado o projeto de Fundo Municipal de Turismo, no intuito de que o município consiga entrar no Mapa Nacional de Turismo. Pediu ainda a oportunidade de um tempo na tribuna da Comissão de Agricultura.

 

O vereador Rodolfo Cordeiro falou ser favorável aos requerimentos foi favorável aos que são para o bem da população. No entanto, falou que não pode se calar quando dizem que não tem médico Ginecologista e Urologista. Sobre a falta de médicos no município, esse é um problema em 186 municípios da Paraíba. Acerca dos exames de mama e próstata, afirmou que são feitos em Araruna. Já sobre os documentos que comprovam as licitações, o vereador poderia buscar no site de Tribunal de Contas da Paraíba, afirmando ser desfavorável aos quais o mesmo acha contraditório.

 

O vereador Luís Martiniano iniciou dando boa tarde a todos e agradecendo a Deus pela oportunidade de estar presente em mais uma sessão. Sobre seus requerimentos, a respeito do funcionamento de 24 horas nos PSF’s mais distantes, pelo menos para primeiros socorros. Disse ainda que vai analisar as matérias apresentadas na casa.

 

O vereador Antônio Olinto iniciou seus discurso saudando a todos. Deu os parabéns a Secretaria de Ação Social pela Semana em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Crime de Exploração Sexual da Criança e do Adolescente. Sobre os requerimentos, foi favorável parcialmente a alguns requerimentos, tendo em vista que existem alguns que não foram assinados, dando a entender que os mesmos não foram colocados no prazo estipulado para a apresentação da ordem do dia.

 

O Vereador Antônio Bernardo saudou a todos, afirmou ser favorável a todos os requerimentos apresentados.

 

O vereador Carlos Antônio saudou a presença de todos os presentes na casa legislativa. Afirmou ser favorável a todos requerimento, projetos e votos de pesar. Sobre a sessão da última sexta, o vereador esclareceu que fez uma viagem e não deu tempo de voltar até a cidade a tempo de participar da sessão. Falou ainda sobre a não participação do artista da terra, Hélio dos Teclados, na festa do São João de Araruna, vendo como um desrespeito ao artista por parte do poder executivo, já que como cantor ajudou muito o gestor municipal na campanha eleitoral.

 

O vereador Francisco Railton (Pepeta), retornou à tribuna para falar que vai verificar a falta de médicos e na próxima sessão trará um resultado correto. Parabenizou os Garis pelos seus dias. Desejou ainda um Feliz Dia das Mães a todas as mães. A respeito do São João parabenizou o prefeito, mas enfatizou sua tristeza pela falta de Hélio dos Teclados na mesma festa.

 

O vereador Jeferson Targino retornou à tribuna iniciando a inclusão de um requerimento no intuito de que quando do fornecimento ou da entrega da ordem do dia aos vereadores, ela fosse acompanhada da cópia das proposituras. Falou também sobre a responsabilidade dos cargos que estão dirigindo a mesa da Câmara Legislativa de Araruna.

 

O vereador Francisco Ednaldo foi favorável a todos os requerimentos os quais ele já tem conhecimento.  Falou ainda que tem dúvida em relação a alguns pareceres e que ainda vai analisar.

 

O vereador Adailson Bernardo também retornou a tribuna e retomou o assunto do débito da prefeitura junto ao INSS e afirmou que as informações que ele repassou foi constatada pela autoria do Tribunal de Contas.

 

O vereador Luís Martiniano retornou à tribuna e falou em relação ao nome de Rua de José Targino Maranhão, falou ser favorável já que deve fazer o certo. Sobre a falta de médicos, o vereador falou que não tem nada a ver com a falta de médicos em outros 186 municípios, o que ele solicita é em Araruna. Em relação ao caso da menina Valentina, que morreu ainda muito jovem, e que quando algumas pessoas da prefeitura se pronunciaram falando que a causa da morte foi uma pancada, onde na verdade o laudo acusou dengue hemorrágica. Falou ainda sobre a retenção de salário de duas professoras.

 

O vereador Rodolfo Cordeiro teve mais uma oportunidade de retornar a tribuna e continuou dizendo que alguns vereadores só procuram a politicagem já que quando Hélio dos Teclados tocou em algumas festas foi tocado nesse assunto na tribuna, mas que quando Jaqueline dos Teclados e outros artistas da terra não participaram da festa de São João 2017 e nenhum vereador usou da tribuna para reclamar de tais atitudes. Falou também que quando o vereador Adailson Bernardo fala que os servidores estão sendo perseguidos, mas que não é correto um professor não trabalhar durante 30 dias e receber seu salário. Afirmou ainda que a oposição fala das faltas, mas que não agradece as feituras da gestão.

 

O vereador Adailson Bernardo retornou a tribuna e falu ainda que as palavras são bonitas. Mas observou que o vereador Rodolfo Cordeiro também estava na festa em que não foram colocados alguns artistas da terra, o mesmo também estava lá e não reclamou também na tribuna. Denunciou ainda que tinha umas festinhas no centro cultural, mas que de repente parou, dando a entender que coincide as agendas do empresário Edvaldo com as da gestão. Disse ainda que a greve dos professores é decidida pelos servidores e não a gestão como foi feita nesta semana quando o gestor anunciou que a prefeitura não participaria da paralisação.

 

O vereador Jeferson Targino retornou mais uma vez à tribuna e enfatizou a postura do vereador Adailson Bernardo, já que ele passou quatro anos falando mal da última gestão, de Wilma Maranhão, e nos últimos dias andou procurando a mesma. Em relação a afirmação de perseguição dos servidores, se existe essa perseguição, quem assim achar, procure a via judicial.

 

O vereador Luís Martiniano falou que perseguição é o que aconteceu no ano de 1977 quando uma servidora foi transferida “da boca da porta” da cada dela para o grupo do Bernardo, onde a prefeita conseguiu demitir a servidora e a fez trabalhar oito meses sem conseguir o direito aos seus salários até os dias atuais.

 

Jeferson Targino falou a respeito da PEC 376 de 2009 que pretende prorrogar os mandatos e vai estar sendo realizado um movimento em Campina Grande no próximo dia 24, na sexta feira, com a presença de políticos, seria então louvável um avanço na pauta para que não fosse prejudicada as matérias da casa.

 

O vereador Adailson Bernardo mais uma vez retornou a tribuna e alegou que os vereadores Jeferson Targino e Rodolfo Cordeiro eram associados ao SINSERMA quando participavam da oposição, mas que agora os mesmos mudaram seus posicionamentos. Afirmou ainda que Pepeta tem autoridade de falar sobre os assuntos que falou porque ele leva a população para João Pessoa e conhece a realidade de Araruna. Sobre ter falado ido falar com Wilma Maranhão, ele afirmou ter ido e que foi pegar uma emenda que foi aprovado na Câmara já que na prefeitura dizem que não tem e também a lei da Ficha Limpa já que existe secretário ficha suja no município e que está irregular. Parabenizou o Dia das Mães e também os Garis. Se referiu diretamente a Vital Costa, dizendo não ter medo das ações dele na justiça quando ele fez cobranças sobre o carro do CAPS, já que se tem dinheiro para comprar um carro de luxo para o prefeito mesmo usar, o porquê não poderia comprar para o CAPS? Agradeceu a todos e desejou um bom final de semana.

 

O vereador Rodolfo Cordeiro retornou mais uma vez a tribuna e falou que se o vereador Adailson Bernardo falou que ele mesmo andou procurando Adailson para mudar a convicção política, por que o vereador ligou três vezes para a filha do prefeito? Falou ainda sobre a injustiça de uma servidora que foi perseguida e demitida de forma covarde em uma gestão passada. Disse ainda que a denúncia de que a gestão não está fazendo a limpeza dos terrenos de ruas que não são asfaltadas ou pavimentadas é mentira. Disse ainda que Adailson Bernardo tenta denegrir a imagem dos vereadores da situação.

 

Ao final da sessão os requerimento encaminhados ao executivo municipal, o envio das cópias dos contratos de locação de veículos à Câmara de Vereadores do município; cópia do processo de vendas de veículos e alienação de bens realizadas no ano de 2018; e o envio de cópias de processos de licitação da estrutura da festa de São João para o ano de 2019 foram reprovados. Os demais requerimentos e projetos de Lei foram aprovados. 

 

A sessão contou com a presença dos Vereadores: Adailson Bernardo, Antônio Olinto da Costa, Antônio Bernardo, Carlos Antônio de Souza Teixeira, Francisco Railton Neves Pontes, Francisco Edinaldo Pontes Martins, Jefferson Targino, Luís Martiniano, Maria de Lourdes Solano de Macêdo e Rodolfo Cordeiro.

 

Texto: Nayara Soares

Fotos: Divaldo Lima