Direito e justiça
MPF apura denúncia de irregularidades em seleção feita por prefeitura da PB

Publicado em 22/04/2019 22:32

Reprodução

Foi publicada na edição do Diário do Ministério Público Federal Oficial (DMPF) portaria assinada pelo procurador da República, Anderson Pereira Lima, instaurando inquérito civil para apurar denúncias de supostas irregularidades na execução do programa ‘Novo Mais Educação’, na Escola Municipal de Ensino Fundamental Genésio Pinto Ramalho, na cidade de Nova Olinda, no Sertão paraibano, a 433 quilômetros de João Pessoa.

De acordo com a denúncia, teria havido irregularidades na seleção de monitores que atuam no programa.

O procurador justificou a necessidade do inquérito para a coleta de elementos destinados a auxiliar a formação de convicção ministerial acerca dos fatos trazidos pela denúncia.