Direito e justiça
Suprema Corte do Canadá determina que Direitos LGBT devem se sobrepor a crenças religiosas

Publicado em 19/12/2018 09:23

Reprodução

Em uma decisão inédita, a Suprema Corte do Canadá acaba de determinar que crenças religiosas devem ser respeitadas, mas não podem se sobrepor aos direitos e cidadania de pessoas LGBTs em suas conquistas pro igualdade.

De acordo com a BBC, a decisão veio após ir parar na justiça o caso da Universidade Trinity Western, que quis penalizar dois estudantes do gênero masculino por ter um relacionamento em suas dependências.

Conforme o pedido da Universidade aos estudantes, sob alegação religiosa já que é uma instituição evangélica, os dois deveriam evitar manifestar afeto publicamente, sendo autorizado apenas relacionamentos heterossexuais em suas dependências.

Após os estudantes buscarem seus direitos, a justiça determinou que LGBTs devem ter seus direitos protegidos da discriminação e que isso deve se sobrepor à liberdade religiosa.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

A medida agora deve servir de jurisprudência para qualquer discriminação a LGBTs com base em religião no país. E tá certíssimo, né? Isso chama Estado Laico, uma lenda no Brasil.