Economia
Comércio está otimista e prevê alta nas vendas para Dia dos Pais

Publicado em 10/08/2018 09:21

Reprodução

Comemorado neste domingo (12), o Dia dos Pais deve movimentar o comércio paraibano com as compras dos presentes, já que 51,55% dos filhos mostraram o desejo de presentear os pais. Os dados são da pesquisa de intenção de compras para a data realizada pelo Instituto Fecomércio de Pesquisas Econômicas e Sociais da Paraíba na Região Metropolitana de João Pessoa (RMJP).

“Embora os consumidores estejam passando por um momento de incertezas na economia brasileira, o clima emocional da época deixa as pessoas mais otimistas o que influencia de forma positiva na hora de efetivar as compras. É importante registrar que, na pesquisa do ano anterior, a intenção de compras foi de 55,39% e o percentual informado de compras efetivadas no mesmo ano foi de 57,76%. Neste caso, as vendas praticadas superaram em 2,37p.p. as informadas na intenção de compras no ato da pesquisa”, destacou o presidente da Fecomércio Paraíba, Marconi Medeiros.

Por mais um ano, os artigos de vestuário estão entre os presentes preferidos, citados por 50,46% dos entrevistados. Em seguida, aparecem os calçados (14,35%), perfumes (12,96%) e televisores (30,00%). Neste quesito, os respondentes puderam citar mais de um tipo de presente, por isso o somatório ultrapassa 100%.

A maior parte dos participantes da pesquisa (42,13%), ou seja, cerca de quatro em cada dez entrevistados, tem a intenção de comprar o presente na semana do Dia dos Pais, esperando possíveis reduções nos preços. Em seguida, com um percentual bem próximo (39,81%), aparecem os entrevistados que estão planejando realizar suas compras na primeira semana de agosto. Já 16,20% do total anteciparam as compras dos presentes aproveitando as liquidações de julho.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Questionados sobre o local das compras, 66,20% dos entrevistados pretendem adquirir os presentes nas lojas dos shoppings centers e 31,48% irão procurar as lojas localizadas no Centro de João Pessoa. Em seguida vêm as lojas de bairro (9,26%) e internet (5,09%).

Campina Grande

Ao Portal Correio, Arlindo Diniz, superintendente do Partage Shopping Campina Grande, disse que “a expectativa de vendas para o Dia dos Pais deste ano está em torno de um crescimento de 12%”.

Já a Câmara de Dirigentes dos Lojistas (CDL) de CG projeta crescimento de 8% nas vendas. De acordo com a estimativa da entidade, as vendas devem ser estimuladas pelas liquidações de vestuário e calçados de inverno. Os lojistas da cidade estão apostando também no apelo afetivo da data para incentivar as vendas de agosto.

Além de vestuário e calçados, outros setores impactados pela data são artigos esportivos, perfumarias, joalherias, óticas, livrarias, papelaria, telefonia, tecnologia e itens de menor valor, como vinhos e chocolates. O setor de bares e restaurantes também deve se beneficiar com a data.

O presidente da entidade, Carlos Botelho, explica que o número de pessoas que deverá presentear seus pais aumentou e isso se deve ao fato da celebração ter forte apelo emocional, e, ainda, o ingresso de recursos oriundos da retomada de saques das cotas do PIS/Pasep em agosto e a volta da geração de empregos, em Campina Grande. Ainda de acordo com o dirigente lojista, o tíquete médio estimado para este ano é de R$ 120.


Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Araruna1 | O portal de notícias de Araruna e Região não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrarem.