Esporte
Paquetá é punido por tapa em juiz e não atua mais na temporada

Publicado em 07/05/2019 22:56

Reprodução

A tapa na mão do árbitro Marco Di Bello na última segunda-feira rendeu a Lucas Paquetá três jogos de gancho. A decisão, anunciada pela Federação Italiana de Futebol nesta terça, deixa o brasileiro do Milan fora do restante da temporada europeia, já que faltam apenas três partidas para o término da campanha da equipe no Campeonato Italiano.

 

"Sanções com três partidas para Lucas Paquetá por golpear com um leve tapa o braço do árbitro com o objetivo de afastá-lo, aos 29 minutos do segundo tempo, depois de receber uma advertência", diz o comunicado oficial emitido pela federação que rege a competição.

A punição imposta pela entidade italiana ocorreu depois de o atleta já ter ciência de que ficaria suspenso por pelo menos dois jogos: um pelo acúmulo de cartões amarelos e outro pelo vermelho, recebido de forma direta. E, ao ter o seu ato de indisciplina julgado nesta terça, ele acabou sendo punido com a pena de três partidas.

Segundo a imprensa da Itália, o Milan vai recorrer da punição. O lance ocorreu no segundo tempo da partida com o Bologna, que terminou com vitória da equipe de Milão por 2 a 1, no estádio San Siro.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Lucas Paquetá recebeu um cartão amarelo por ter protestado contra uma falta que recebeu e, indignado com a punição aplicada pelo juiz, deu um tapa na mão do árbitro, que acabou expulsando o brasileiro na sequência.

Dessa forma, se o Milan não conseguiu reverter a decisão, Paquetá está fora das últimas três rodadas do torneio contra Fiorentina, Frosinone e SPAL. O time de Milão é o quinto colocado na tabela, com 59 pontos, e briga por uma vaga na próxima edição da Liga dos Campeões.

O ex-jogador do Flamengo foi adquirido pelo Milan em 2018 por 35 milhões de euros (cerca de R$ 151 milhões, na cotação da época). Ele disputou 17 jogos em seus primeiros meses pelo time italiano e balançou as redes uma vez.