Meio ambiente
Perícias feitas no Pantanal indicam que queimadas foram provocadas por ação humana

Publicado em 14/09/2020 14:27

Reprodução

As cinco perícias realizadas no Pantanal apontam que as queimadas na região foram provocadas por ação humana. A informação foi do governo de Mato Grosso. Por isso, a Delegacia de Meio Ambiente (Dema) vem investigando o caso para poder chegar aos responsáveis.

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) fez um levantamento onde os dados indicam que os incêndios na área aumentam mais de 220% este ano. O total de focos registados em 2020 é superior a 7 mil, resultado recorde para a região.

A Dema pretende concluir o inquérito, inicialmente, em 30 dias, podendo haver solicitação para prorrogação do prazo. A delegada Alessandra Saturnino de Souza Cozzolino informou que ainda não é possível concluir se as queimadas foram propositais. 

“Podemos ter outro crime conectado, como é o caso do possível desmatamento que antecedeu o incêndio, eventualmente provocado pelo homem. Pode ter sido intencional, ou pode ter sido causado por uma situação involuntária”, afirma Cozzolino. Ela ressalta que o trabalho de investigação é altamente capacitado para atuar na emergência ambiental e na identificação das causas e origens do fogo.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -