Relacionamento e sexo
1 em cada 4 mulheres heterossexuais pratica sexo anal

Publicado em 31/10/2018 22:13

Reprodução

O sexo anal está cada vez mais popular entre as mulheres, e isso é algo muito saudável para a vida sexual das pessoas. Mas quão comum de verdade é o sexo anal entre as mulheres?

Enquanto você não está fazendo nada de sexo anal, parece que todas as outras pessoas estão!

Quando você estiver fazendo isso, pode até sentir que é a única no mundo que faz, e isso porque você já deve saber que há um certo tabu envolvendo o sexo anal.

Por isso, veja algumas estatísticas que poderão te tranquilizar.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Uma nova pesquisa realizada pela Bespoke Surgical, uma clínica privada especializada em cirurgia proctológica e anal gay situada em Nova York e Los Angeles, Estados Unidos, descobriu que uma em cada quatro mulheres heterossexuais faz sexo anal regularmente, o que significa que elas fazem isso pelo menos algumas vezes por mês.

Ou seja, 25% das mulheres heterossexuais. Pode ser que ainda não seja a maioria, mas talvez é muito mais do que você poderia esperar. E estas mulheres estão fazendo sexo anal regularmente.

Pesquisas anteriores sugerem que 37% das mulheres já fizeram sexo anal.

Esses resultados devem ser um tanto quanto tranquilizantes para aquelas pessoas que estão fazendo sexo anal e também para aquelas que estão totalmente desinteressadas no ato.

Não, você não é uma pessoa estranha e também não está sozinha caso faça sexo anal, e é bom saber disso, certo? Outras estatísticas do estudo já não são tão tranquilizadoras.

Das 300 mulheres entrevistas, 57% disseram que nunca usaram preservativo para esse tipo de relação sexual.

Agora, é possível (e muito provável) que isso aconteça porque as mulheres heterossexuais tendem a ter relações anais com parceiros de relacionamentos mais longos e que sabem que estão livres de DSTs porque fazem exames regulares. Mas lembre-se de que as DSTs e as infecções também podem ser transmitidas através do sexo anal.

É importante usar um preservativo se ainda não tiver absoluta certeza que você e/ou o seu parceiro estão livres de qualquer infecção ou doença, e certifique-se de NÃO usar lubrificante à base de óleo, pois isso pode danificar os preservativos. Use lubrificantes à base da água ou silicone.

Tenha em mente também que 1 em cada 5 das mulheres entrevistadas disseram que, ao fazerem sexo anal, experimentaram rasgaduras ou outros danos causados pelo ato.

Esse serve como um importante lembrete de que para fazer sexo anal com segurança e conforto, vocês devem usar muito lubrificante, ir devagar e parar se houver alguma dor.

Outros resultados também mostraram que a higiene é uma preocupação real entre as mulheres heterossexuais, que tendem a se preocupar com as fezes ficando presas no pênis do seu parceiro.

Isso é totalmente compreensível: o risco da pessoa com quem você está fazendo sexo anal se deparar com suas fezes no pênis é mais do que desagradável. Porém, se o tempo todo em que você estiver fazendo sexo anal, estiver em pânico por causa disso, não há como gostar e sentir prazer com o ato.

É melhor tomar um banho de antemão, fazer uma pequena limpeza com o seu dedo para se certificar de que está limpo e confortável, e apenas seguir em frente quando se sentir confortável e feliz.

Não se preocupe em fazer a famosa “chuca” (colocar a mangueirinha do chuveiro dentro do ânus para limpá-lo), você não precisa realmente fazer isso, e se fizer da maneira errada, pode machucá-lo.

O que as pessoas podem aprender com essa pesquisa? É que se elas não querem ter sexo anal, está tudo bem! Ninguém precisa nem deve ser forçada a fazer algo que não quer.

Mas se você está interessada em dar uma chance, em provar o tal do sexo anal, certifique-se de fazer com toda segurança e conforto.

Use proteção, uma boa quantidade de lubrificante, vá devagar, faça uma boa higiene no local para ter certeza de estar limpo o suficiente para se sentir confortável e, se não estiver gostando, pare.

Qualquer tipo de sexo, inclusive o sexo anal, é para ser agradável. Se não for, não faça ou pare o que está fazendo e não sinta vergonha por isso.

Dicas essenciais para fazer sexo anal

  1. Primeiro, experimente: experimente aos poucos, use dedos (pode ser o seu ou do seu parceiro) ou brinquedos sexuais antes de colocar um pênis lá dentro.
  2. Limpe-se antes: mas mesmo assim, aceite que pode haver alguma sujeita envolvida na brincadeira. Se o seu parceiro não pode lidar com essa sujeirinha, não faça anal com ele. Limpe-se para que você também se sinta confortável.
  3. Use lubrificante: use MUITO lubrificante.
  4. Use proteção: use camisinha e certifique-se de não usar um lubrificante à base de óleo, mas sim de água ou silicone, pois ele pode danificar o látex.
  5. Vá devagar: principalmente comece bem devagar. O mais devagar possível.
  6. Experimente diferentes posições: escolha uma posição sexual em que você esteja no controle, assim não sentirá os impulsos da penetração tão profundamente.
  7. Certifique-se de estar relaxada: se não estiver se sentindo relaxada, o sexo anal não será nada divertido ou prazeroso. Se não estiver se sentindo confortável, pare.
  8. Pare se estiver sentindo dor: o sexo anal pode parecer algo um pouco estranho, porém não deve doer. Se não estiver se sentindo bem, novamente, pare.
  9. Penetre e retire lentamente: penetrar e tirar rapidamente é algo profundamente desconfortável.
  10. Nunca vá direto do anal para o vaginal: nunca, mas literalmente nunca, tire o pênis do ânus e o coloque direto na vagina. Além de causar todo tipo de desconforto, pode causar muitas infecções. Não faça isso. Se tiver que penetrar o pênis na vagina após o sexo anal, troque o preservativo ou lave muito bem o pênis do seu parceiro.

Lembre-se, se você tiver vontade e se sentir confortável, o sexo anal pode ser delicioso, agora, se não quiser e não se sentir confortável, não faça.